1 de Janeiro de 2020
Cidade do Vaticano

Caros amigos em Cristo,

Podemos agradecer ao Senhor por este ano maravilhoso de 2019. Ele tem sido a nossa luz e apoio. Lembremo-nos de dar graças:

Janeiro: Lançamos a nova versão do Click To Pray 4.0. O Papa Francisco abre seu perfil de oração no Click To Pray, que se torna sua terceira rede social, e oficialmente a plataforma de oração do Papa. Click To Pray é a plataforma oficial de oração da JMJ no Panamá, em 6 idiomas.

Fevereiro: A Rede Mundial de Oração do Papa inscrito no registo das pessoas colectivas civis do Estado do Vaticano, com o número 49. O logótipo oficial, com as chaves de São Pedro, para o escritório internacional, é aprovado pela Secretaria de Estado (18 de Fevereiro).

Março: Lançamento do Click To Pray em chinês tradicional em Taipé, durante o Congresso Eucarístico, com mais de 10.000 católicos.

Junho: Celebração do 175º aniversário no Encontro Internacional em Roma e audiência privada com o Papa Francisco, com cerca de 13.000 pessoas (quase 6.000 de 32 países na Sala Paulo VI e 7.500 através do Facebook Live), uma Missa em São João de Latrão, um encontro mundial de directores e coordenadores e um encontro do MEJ.
Foi um tempo para agradecer ao Senhor por estes 10 anos de recriação do Apostolado da Oração e para reconhecer os frutos que estamos a colher como Rede Mundial de Oração do Papa, incluindo o MEJ. Francisco lembrou-nos que esta missão de compaixão pelo mundo é o nosso fundamento e que a oração é o coração da missão da Igreja.

Setembro: produção do Video do Papa com o fotógrafo, diretor e ecologista francês Yann Arthus-Bertrand

Outubro: Participamos no Vaticano, como Rede de Oração do Papa, no lançamento do Mês Missionário Extraordinário, juntamente com as Obras Missionárias Pontifícias.
Lançamento do Click To Pray eRosary, um projeto de evangelização para jovens conectados com o mundo digital e tecnológico.

Agradeçamos ao Senhor e peçamos-lhe que nos ajude este ano de 2020 a aprofundar o Caminho do Coração, fundamento da nossa missão e chave para a recriação.

P. Frederic Fornos SJ
Diretor Internacional
Rede Mundial de Oração do Papa

Devemos iniciar processos e não ocupar espaços: «Deus manifesta-Se numa revelação histórica, no tempo. O tempo começa os processos, o espaço cristaliza-os. Deus encontra-Se no tempo, nos processos em curso. Não se deve privilegiar os espaços de poder relativamente aos tempos, mesmo longos, dos processos. Devemos preocupar-nos mais com iniciar processos do que com ocupar espaços. Deus manifesta-Se no tempo e está presente nos processos da história. Isto leva a privilegiar as ações que geram novas dinâmicas. E requer paciência, saber esperar». Papa Francisco

Download pdf